Resultados de pesquisa

Adriana Calcanhotto - "Vai Saber"

|
Não vá pensando que determinou
Sobre o que só o amor pode saber
Só porque disse que não me quer
Não quer dizer que não vá querer
Pois tudo o que se sabe do amor
É que ele gosta muito de mudar
E pode aparecer onde ninguém ousaria supor
Só porque disse que de mim não pode gostar
Não quer dizer que não tenha do que duvidar
Pensando bem pode mesmo chegar a se arrepender
E pode ser então que seja tarde demais
Vai saber?

Não vá pensando que determinou
Sobre o que só o amor pode saber
Só porque disse que não me quer
Não quer dizer que não vá querer
Pois tudo o que se sabe do amor
É que ele gosta muito de se dar
E pode aparecer onde ninguém ousaria se por
Só porque disse que de mim não pode gostar
Não quer dizer que não tenha o que considerar
Pensando bem pode mesmo chegar a se arrepender
E pode ser então que seja tarde demais
Vai saber?

Não vá pensando que determinou
Sobre o que só o amor pode saber
Só porque disse que não me quer
Não quer dizer que não vá querer
Pois tudo o que se sabe do amor
É que ele gosta muito de jogar
E pode aparecer onde ninguém ousaria supor
Só porque disse que de mim não pode gostar
Não quer dizer que não venha a reconsiderar
Pensando bem pode mesmo chegar a se arrepender
E pode ser então que seja tarde demais
Vai saber?



Não conhecia esta música da Adriana Calcanhotto, mas, quando a ouvi no concerto dela no Coliseu do Porto na quinta-feira passada, gostei dela à primeira. Até consegui apanhar logo a letra de início, para depois a ir pesquisar.
Ainda não pus nada na web do concerto - fotos, para quem não percebeu -, mas há algumas que até ficaram bem. Não será um dos meus melhores trabalhos, mas também não está mau. As principais dificuldades prenderam-se com o palco, sempre igual, e o pouco movimento.
Fica para depois.

0 weedeias: