Resultados de pesquisa

Banabóia

|
A segunda crítica surge-nos com uma viagem de fim-de-semana a Barcelos. Sem conhecermos a cidade, andámos a ver a oferta em termos de jantar e de sítios agradáveis para uma refeição descansada.

No centro da cidade, encontramos o Banabóia, uma cervejaria de espaço amplo com uma oferta simpática. Não estando completamente cheio, esperava-se um serviço eficaz e eficiente, com um atendimento rápido. Pedimos sugestões para o jantar, de acordo com o que queríamos e para sabermos o que seria mais apetecível naquela altura. Foram-nos sugeridos o Bife à Banabóia, supostamente um bife alto e mal passado, e a Salada Russa com Filetes de Pescada (pedida sem maionese misturada).

Chegam as entradas: rissóis (de camarão, de carne, de bacalhau e misto), bolinhos de bacalhau,... boas iguarias, bem confeccionadas, na generalidade, sem fazerem grande alarido, contudo. Também nos foi servido um cesto bem recheado de pão de água e broa frescos e o habitual pratinho de queijo e manteiga.

Sentados ainda a aproveitar as entradas (que, pela fome que tínhamos, não duraram muito tempo...), reparávamos no tempo que demorava a servir os clientes que estariam no restaurante há mais tempo que nós. Confesso o desagrado que senti ao ver que havia clientes já a pedirem a segunda bebida enquanto esperavam pelo prato que tardava.
Esperamos cerca de meia hora ainda para sermos servidos.

A Salada Russa ficou muito aquém do que este prato tão simples na realidade seria. Os filetes, de fraca qualidade, eram de outro peixe parecido, de textura mais plástica e borrachuda, desagradável. Já a salada em si era composta de macedónia congelada, servida bastante fria, o que não permitia, sequer, que se encontrasse o sabor dos alimentos. Para além da fraca confecção, ainda nos privavam de dar uso ao nosso paladar. Uma desatenção: vinha com maionese misturada. Pontos a menos.

Com a Salada Russa veio o Bife à Banabóia. Uma tentativa clara para evitar o proverbial "à moda da casa" num prato que, manifestamente, não trazia nada de novo ou de especial entre tantos "Bifes com Ovo a Cavalo, molho de Champignon (leia-se cogumelos, dado que a natureza mediana da cozinha de cervejaria não almeja dotes de "aute cuisine française") e batata frita a acompanhar" que se oferecem por todo o país.

Tira-se uma lição valiosíssima desta experiência: não se pode fazer crítica gastronómica de barriga completamente vazia, uma vez que, seja qual for o prato submetido à consideração, a fome impedirá o apreciador de avaliar, com cuidado e atenção, as texturas e aromas que mereçam referência. Porém, em abono da verdade, deve dizer-se também que não havia realmente nada de novo no prato. Um bife tenro que se queria mal-passado com um molho de cogumelos que não perdia nada estando um pouco mais grosso. Entenda-se que não era uma mistela aquosa, no entanto, apontemos sempre ao melhor. As batatas, das congeladas, em pacote, prontas a fritar, não estavam nem muito salgadas nem insossas... apenas mais um facto a lamentar, não só neste restaurante mas também em muitos outros: a quantidade de batata frita congelada que se serve.
Talvez seja "possidonite" minha, mas agrada-me muito mais aperceber-me de uma batata descascada e cortada na hora, lavada com água e sal antes de saltar para a frigideira, do que essa moda "desenrascada" do uso de batatas congeladas, mal descongeladas, submetidas ao óleo e do óleo para o prato com um tom que oscila entre o branco e um amarelo desmaiado.

Ainda que de estômago completo - não diria que estávamos completamente satisfeitos com o serviço, mas também não exagerando por aí - seguimos para a sobremesa: mousse de chocolate para ambos. Caseira como se pedia, consistente, mas demasiado doce. Uma dose muito bem servida, no entanto. (Confesso que até ficámos com pena de pedir duas em vez de uma e simplesmente a dividirmos.)

Em suma, fomos a um restaurante matar a fome e verdade é que era possível sair empanturrado. O ambiente do restaurante seria mais próprio para uma festa de anos de adolescentes (como havia, numa mesa comprida, um pouco afastada) do que propriamente para um jantar romântico ou uma celebração de algo especial. Cumpriu a função de alimentar dois viajantes exaustos e pouco exigentes. Não cumpriria se no lugar destes estivessem dois curiosos críticos exigindo ser satisfeitos.

0 weedeias: